DesignBR

Vai Design!!

Mídia Alternativa: A solução do orçamento apertado!

Quem nunca recebeu um orçamento baixo para ter uma idéia brilhante, que atire a primeira pedra? Assumo que neste momento me dá aquele nó na garganta. Não que eu acredite no resultado a partir do gasto, mas aprecio poder pagar pela apoteose. Passado o nó, pensemos na solução. Tenho um carinho especial pela mídia alternativa. Inusitada, ela liberta os instintos mais profundos da criação (do mídia, planner, enfim de toda a agência) e nos coloca de frente para os consumidores, sem custar, na maioria dos cases, o absurdo de uma veiculação em horário nobre.


Durante muito tempo houve por parte dos anunciantes, um certo receio em praticar a tal mídia alternativa, e as próprias agências pensavam pudorosamente antes de sugerir as idéias . Talvez pela própria história humana predestinada a mistificar tudo que está fora dos padrões, empurrando esse movimento para a margem da sociedade, demoramos tanto tempo para dar o devido valor a essa idéia criativa.



No mundo publicitário já se sabe, meio que por osmose, que os publicitários são pessoas extremamente criativas, sem posicionamento político, religioso, sexual ou emocional evidente. Publicitários não devem ser extremistas. Não podem tomar partido de um movimento. Se o cliente é agnóstico, não somos nada. Se o cliente é São Paulino, azar o dele (risos). Nos churrascos de confraternização, e só neles, podemos liberar nosso lado extremista, egoísta e humano. Deixar enfim de ser publicitário e relaxar.



Mas o que isso tem haver com mídia alternativa? Explico. Se nada somos diante de um posicionamento diretamente oposto ao nosso magnífico cliente, nada podemos empurrar para a margem da sociedade. Esse é o motivo da libertação criativa. Esse é o motivo das idéias brilhantes. Esse é o motivo vital das mídias alternativas.



Não estou falando do busdoor ou bikedoor mais conhecidos das ruas, mas daquelas inusitadas intervenções estratégicas (tem gente que chama de mídia tática, mas eu aprendi na facul a mantê-las em mídia alternativa) que fazem todo publicitário esmurrar a parede pensando – Porque eu não tive essa idéia – e literalmente param o transito. Como o banco imobiliário gigante em São Paulo, ou as camas passeando pelo Rio de Janeiro para a Clean & Clear (veja mais no Blog de Guerrilha - http://www.blogdeguerrilha.com.br/category/acao-ambiente/). Idéias que certamente fazem sucesso. Se é um sucesso temporário? Talvez, o importante é que de resultados.



Eu mesma já dei meu “pitaco” estratégico para uma mídia alternativa. Tudo bem que ela não é tão inédita assim, uma ação estrangeira para promover um filme usou quase o mesmo conceito, me inspirei neles e coloquei a mídia alternativa de frente com o publico do interior do Paraná (que nunca tinham visto nada fora dos padrões). O sucesso foi garantido.
Graças ao bom Deus, o cliente comprou a idéia com um sorriso no rosto (veja minha sacada em http://jennekeffer.carbonmade.com/projects/2173688#1). To eu fazendo merchandising do meu portfólio (risos).

Fica o meu apelo. Publicitários não tenham medo da mídia alternativa. Anunciantes confiem nos publicitários que tudo dará certo.

Exibições: 53

Tags: alternativa, mídia, publicidade

Comentar

Você precisa ser um membro de DesignBR para adicionar comentários!

Entrar em DesignBR

Comentário de Jenneffer Keffer em 26 janeiro 2009 às 15:35
Oi Moysés, Ahh os termos são vários mesmo, mídia alternativa, guerrilha, advertising entre outros. Tinha um cliente que chamava empena de fuxico heheh. Eu bem q tentei fazer um cartaz mais limpo e tal, mas...muita discussão depois, ganhou a forte opinião do cliente.
Comentário de Garcia Junior em 26 janeiro 2009 às 14:34
Mídia alternativa seria toda aquela que foge dos padrões, do que é convencional. Mas a alternativa pode estar tanto no meio/suporte (uma peça que faça propaganda de camisinhas acima do mictório masculino por exemplo), quanto pelo conteúdo/mensagem (a mesma propaganda da camisinha só q mostrada de modo inusitado numa mídia conencional). Quanto à grana curta do cliente: boas idéias e execuções profissionais delas não brotam num vaso com terra. Temos de ter tempo pra dedicar à criação, portanto vendemos não só nossa expertise, quanto também nosso tempo demandado para o serviço.
Comentário de italo berber munhoz em 26 janeiro 2009 às 13:36
bem bacana, o texto.
esses tipos de idéias que fazem o criativo brasileiro ser tão diferente.
faz parte da nossa cultura achar alternativas mais baratas, o famoso jeitinho brasileiro...

O banner de sua empresa também pode estar aqui.
Entre em contato conosco para saber mais detalhes.
portaldesignbr@icloud.com

Hand Spinner Anti Stress

Fidget Spinner desenvolvido para reduzir o stress e a ansiedade

Fidget Cube Calmante

Um Cubo verdadeiramente Mágico que auxilia no controle emocional, ajudando a manter a calma em momentos de pressão.

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

© 2019   Criado por Portal DesignBR.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

Web Analytics Tweet
ed.designstore@gmail.comarrow_drop_down ed.designstore@gmail.com settingsConta / Meu plano webMeus Sites messageEnviar Notificação restoreAgendar Notificações trending_upEstatísticas languageEnglish languagePortuguês perm_identitySair x Você está atualmente no plano gratuito. Já conhece o nosso plano sem publicidade? shopping_cart ADERIR AGORA ✕ Por favor leia os nossos Termos e Condições antes de utilizar o Pushnews [FECHAR] CRIAR CONTAPERSONALIZARINSTALAR JAVASCRIPTFINALIZAR Por favor coloque o código seguinte na secção do HTML (Pode personalizar todas as mensagens aqui)