DesignBR

Vai Design!!

-Bom dia, doutor!
-Bom dia! Em que posso ajudá-lo?
-Bem, nos últimos três meses tenho sentido uma dor aqui no lado esquerdo do peito...
-OK. Vou pedir alguns exames...
-Exames? Não dá pra dar umas apalpadinhas e dar um palpite sobre o que pode ser essa dor?
-Não, realmente é preciso que você faça alguns exames.

Uma semana depois...
-Olá, Doutor, aqui estão os exames que o senhor pediu.
-Humm... Bem, o senhor está com uma coronária seriamente comprometida. 80% de obstrução. Teremos de operar. Colocar uma ou duas pontes de safena.
-Operar??? Mas não dá pra enganar com um chazinho, umas massagens, analgésicos...?
-Não. O comprometimento é bastante importante.
-E, o que significa isso?
-Significa que o senhor poderá ter um infarto fulminante a qualquer momento se não operar.
-Bem, e quanto vai custar essa brincadeira?
-Além da cirurgia, temos o custo da internação, honorários do assistente, do anestesista...
-Caramba. Não dá pra fazer uma coisinha mais simples, sem anestesia e assistentes? Além disso o senhor tem prática em mexer com corações. Para o senhor deve ser 'facinho'...
-Não brinque com a sua saúde...
-OK. Então vamos fazer o seguinte: o senhor me opera de graça e eu faço a maior propaganda do seu consultório para os amigos lá do serviço. Vai chover gente querendo operar a coronária com o senhor. Vou distribuir seu cartão pra toda a família!
-Boa piada! O senhor tem um bom senso de humor!
-Não, estou falando sério! Aliás, estou pedindo apenas a primeira cirurgia de graça. A segunda eu faço questão de pagar!
-Acho que o senhor não está entendendo. Sou médico há mais de....
-Pera lá! Acabei de lembrar de um sobrinho meu que tem um açougue. Ele tem prática em cortar carnes de primeira. Acho que ele pode quebrar meu galho! Obrigado, doutor! Fui...
-...!!!

Texto (C) Morandini

Exibições: 74

Responder esta

Respostas a este tópico

Mas esse "seu cliente" tem a possibilidade de se tratar de graça, basta procurar o INSS, o SUS, as UPAs da vida...só que terá que entrar na fila como maioria do povo brasileiro. Os melhores médicos cirurgiões encontram-se nos hospitais públicos, portanto boa sorte. Os que podem pagar, encontram um atendimento mais rápido mas não quer dizer de melhor qualidade. Digo isso em causa própria: tive um aneurisma cerebral (descoberto sem querer por um uma clínica médica do meu plano de saúde, após uma queda de bicicleta...intuição dela que salvou a minha vida), mas fui operado num hospital universitário aqui do Rio pelo "fodão" da neurocirurgia da Santa Casa da Misericórdia de Minas, e isso tudo pago pelos cofres públicos...muita sorte, obrigado!

Nossa profissão não é para fazer caridade, senão haveria várias ONGs de design,rs,rs,rs mamando nos cofres públicos. Nossa profissão é dirigida à um público que tem uma mínima noção de gestão empresarial, pelo menos é esse público que eu foco...o restante...que vá procurar uma casa de caridade, um açougue,rs,rs,rs...sorry!
sensacional.
Estou sem palavras.
É isso mesmo que acontece.
Bem...não com os médicos né?
ta aí ... inteligente forma de comparar... temos q ser profissionais como médicos para mostrar mesmo que o designer é um DESIGNER um profisional e não uma pessoa que meche no programinha etc etc... mostrar pro cliente que o lucro da empresa é a vida dela...
Morandini vc disse exatamente como é, os clientes menosprezam o trabalho de um designer porque uma outra pessoa qualquer pode fazer do jeito que ele quer ou mais barato ou mais "bonitinho", e na verdade não vê os benefícios de fazer um material com conceito e estrutura adequados...
Sinceramente, vcs não deveriam se preocupar com que os pseudos-designers cobram, se cobram mal é porque não se valorizam, então o problema é só deles, e acredito que mesmo que tivéssemos uma entidade que regularizasse a profissão, ainda sim existiriam os que não se valorizam, portanto o problema é deles e não nosso.
Em diversas áreas tem aqueles que cobram barato, azar o deles se não se valorizam.

Eu faço a minha parte, adotei desde 1990, quando abri o meu estúdio, aprendendo e melhorando, o que aprendi quando era assitente de criação em diversos escritórios de design que trabalhei, que tenho que saber cobrar e ter sim uma postura, isso acaba criando um filtro do tipo de cliente que quero atingir. Adoto o sistema que chamei de "pay-per-view", ou seja tem pagar p/ ver, é só isso. Aquele cliente que não quer aceitar essa forma, que procure outro, até porque se ele não aceita, é porque no fundo ele tb não se valoriza, e portanto tb não me interessa.

Bato sempre na mesma tecla que o profissonal é que tem que ter postura, não será sindicatos nem entidades que irão fazer isso por vc.
É isso, Eduardo. Por isso é que o título é SE designers fossem...

Abraços
ótimo TEXTO...
é isso mesmo! =)
"Acabei de lembrar de um sobrinho meu que tem um açougue."

Rachei de rir aqui. =D
q lokoo, mas dá pra ver bem a semelhança com a realidade do designer
Genteeeeeee, adorei,rs

RSS

O banner de sua empresa também pode estar aqui.
Entre em contato conosco para saber mais detalhes.
portaldesignbr@icloud.com

Hand Spinner Anti Stress

Fidget Spinner desenvolvido para reduzir o stress e a ansiedade

Fidget Cube Calmante

Um Cubo verdadeiramente Mágico que auxilia no controle emocional, ajudando a manter a calma em momentos de pressão.

Fotos

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

© 2020   Criado por Portal DesignBR.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

Web Analytics Tweet
ed.designstore@gmail.comarrow_drop_down ed.designstore@gmail.com settingsConta / Meu plano webMeus Sites messageEnviar Notificação restoreAgendar Notificações trending_upEstatísticas languageEnglish languagePortuguês perm_identitySair x Você está atualmente no plano gratuito. Já conhece o nosso plano sem publicidade? shopping_cart ADERIR AGORA ✕ Por favor leia os nossos Termos e Condições antes de utilizar o Pushnews [FECHAR] CRIAR CONTAPERSONALIZARINSTALAR JAVASCRIPTFINALIZAR Por favor coloque o código seguinte na secção do HTML (Pode personalizar todas as mensagens aqui)