DesignBR

Vai Design!!

Home Office: Quais são os prós e contras de trabalhar em casa?

Desde 2007 eu trabalho em casa pela internet, alternando com algumas reuniões e eventos fora de casa e palestras em escolas e empresas e não consigo mais imaginar uma vida dentro de uma empresa, apesar das inúmeras vantagens e benefícios. Trabalhando sozinho em casa preciso matar um leão por dia para chegar ao final do mês com o dinheiro para pagar as contas, as despesas extras e ainda fazer uma economia para emergências, mas mesmo assim esta vida vale a pena!

Hoje, inspirado por um pos do Unplggd resolvi fazer uma lista com as vantagens e desvantagens de trabalhar em casa de acordo com meu ponto de vista e experiência nos últimos anos. Vamos dar uma olhada na minha lista:

As vantagens:
1. Posso evitar o trânsito da cidade
2. Troquei o terno pela dupla jeans e camiseta
3. Dedico uma boa parte do dia para minha família (esposa e filha)
4. Não tenho chefe
5. Posso escolher meu trabalho e parcerias

As desvantagens:
1. Preciso fazer o dinheiro todos os meses, que sempre começam zerados 
2. Nunca saio do escritório e às vezes faz falta ver gente em casa (na parte da manhã fico sozinho e no período da tarde fico com minha filha)
3. Não tenho um departamento de TI para ajudar nos problemas com máquinas / sites 
4. Preciso trabalhar mesmo nos sábados, domingos, feriados e férias, mesmo que com uma carga reduzida
5. Precisa de uma quantidade gigantesca de motivação

Na sua opinião, quais são os pontos positivos e negativos de trabalhar em casa?

Exibições: 666

Responder esta

Respostas a este tópico

Os positivos,pra mim,vc já listou =) 

 

Dos negativos, pra mim só faltou um (eu pelo menos vejo-o assim): eu acho ruim vc não ter outras pessoas pra opinarem no seu trabalho no sentido de incrementar ,trazendo ideias novas,renovar as já existentes, te fazerem ver o que vc não viu - de erro, de melhor acerto. Às vezes estamos empacados com uma ideia fixa,temos que sair dela mas estamos bloqueados pro novo. Aí vem alguém e te mostra ideias geniais,que até então vc não tinha pensado ou então uma falha na interpretação que até então vc não tinha visto,algo que faria ficar com duplo sentido.

Duas mentes juntas pensam melhor que uma, em algumas ocasiões.

 

Abraços!

Kra, eu trabalhava em casa com alguns clientes. Eu moro com meu pai ainda e ele paga basicamente todas minhas contas então sempre foi tranquilo. REcentemente eu tive alguns problemas e adquiri uma conta grande mensal a pagar, o que me obrigou a aceitar um emprego para garantir a continuidade do pagamento até o fim do ano.  

Agora eu tenho 1 emprego e trabalho por conta propria fds. O que era freela está virando empresa, que estou abrindo com 3 amigos. O jeito é profissionalizar a coisa. Eu amo ser freelancer e provavelmente é o estilo de vida que quero pra mim mas como eu falei acima é só um exemplo dos muitos altos e baixos possiveis da carrereia de quem ta começando.

 

Eu espero sinceramente que eu vá me estabelecendo suficiente pra me manter com a empresa só em breve. Eu tenho 23 anos e me formo daqui a 3 meses então acho que as coisas vão melhorar. 

Meu caro, esse teu tópico é uma referência da minha situação atual, porém desastrosa: Tinha um escritório com 3 funcionários e tudo, porém os custos de aluguéis e os atritos constantes a pessoa com a qual dividia a sala me fizeram sair dessa e procurar alternativas. Pensei: vou trabalhar em casa e poupar uma grana para poder pegar uma coisa melhor. Jóia. A questão que eu não saia do trabalho, eram 22h e continuava na frente do computador desenhando enquanto funcionário só trabalhava até às 18h. Isso sem contar as noites q virava tentando finalizar projetos, finais de semana no telefone, e as contas que continuavam estagnadas como você comentou, começando o mês do zero. A isso tenho que confessar que a pior parte sempre foi a de ter que parar de fazer o que eu estivesse fazendo para cozinhar e servir todo mundo e depois lavar a louça (!!!!) pois imaginei que com isso iria economizar uma baita grana em vale alimentação, o que foi verdade a custa de muito cansaço. Tive que me desfazer da equipe já que os negócios não melhoraram, só pioraram devido à desmotivação. Hoje encerrei as atividades da empresa com muita dor no peito, assumo pouquíssimos trabalhos de freela e voltei para a iniciativa privada, só que desta vez como trainee numa multinacional de ERP. Cara, se alguém me perguntar se vale a pena manter um Home Office, digo que sim para quando se ganha acima de R$ 15.000,00 ou quando vc é alguém que nunca cortou o umbigo e continua parasitando os pais. Caso contrario nem pensar.

eu nao exatamente parasito mais meus pais, apesar de pouco tempo ter aberto mao do conforto de nao pagar nada. eu acho que abrir negocio vale a pena sim para alguns que gostam do estilo de vida, mas aqueles que procuram segurança e conforto talvez seja melhor um emprego convencional.Como disse existem conflitos, dificuldades e as vezes nem se ganha tao bem mas eu nao me vejotrabalhando para alvuem o resto da minha vida por exemplo.

Olá, trabalhar em casa é bom mas é preciso equilibrar com novos contatos profissionais e também se profissionalizar mais na hora de contratar funcionários ou receber clientes. Sugiro passar 1 dia no http://coworking.beans.net/photo/albums/profissionais-trabalhando-no e sentir se há diferença no rendimento do seu trabalho.

abs

Ricardo Lima

POxa Rodrigo, muito obrigado por compartilhar suas experiencias conosco! è sempre bom compartilhar! Abraço!

Desde 2004 mantenho meu escritório em casa. Nesse meio tempo de tive 3 salas comerciais durante 1 ano e meio, mas voltei a trabalhar em casa. Tudo que você escreveu procede mesmo. Quanto a sair tenho de fazer isso semanalmente pra reunir com clientes e conversar com potenciais já que não os recebo em casa. Tenho de ter bons, confiáveis e flexíveis fornecedores de serviços (assistência técnica pra equipamentos, gráfica e comunicação visual, web e outros designer colaboradores quando o volume é grande e o prazo apertado). Muito cuidado em não pegar um calote e manter o profissionalismo nas relações mesmo que faça amizade com o cliente. Em 2009 escrevi no meu blog sobre o assunto: http://tinyurl.com/5tquthj

Ricardo Lima sua dica daquele link foi ótima!

Na verdade eu trabalho tanto em casa quanto em uma empresa, mas tenho (uma ENOOORME) intensão em trabalhar por conta...rs

Conheço algumas pessoas que também trabalham em casa, já sei sobre os problemas, mas de verdade só a minha auto-realização já compensa todas as desvantagens!!

O importante nisso tudo, na minha opinião, é saber gerenciar o nosso tempo, o que é meio difícil, principalmente se a grana tá curta... rs

Bom, mas o que importa é fazer o que a gente gosta!!

Abraços....

Hee trabalhar em casa realmente é muito bom, tenho trabalhado desde o começo de 2010 assim, com minha empresa www.coronartwork.com (onde tem um sócio que também trabalha em casa) e fazendo freelancer, agora é uma época muito boa, ainda não tenho muitas responsabilidades como esposa (mas tenho namorada :P HAHA$$$hashe) e filhos então posso juntar um dinheiro maior, fazer um bom investimento, para começar a ter lucros mensais com os meus clientes, fixalos a mim e a maior estrategia, pois assim você ganha uma certa estabilidade um certo mensal, que pode te salvar caso você não fechar nenhum trabalho no més.

Para mim são ENORMES vantagens:
- Não pegar transito todo dia (Para quem mora em cidade grande, isso é um alivio, para quem não tem carro então, sofrer no ônibus lotado antes de chegar no trabalho... sem comentários)

- Almoçar em casa (Sem gastos fora de casa, sem correria para fazer almoço e já voltar ao trabalho)

- Poder viajar mais (quando tem alguém para te cobrir, como meu sócio por exemplo, mas nunca saio sem notebok ou HD Externo)

-  Arrumar o escritório e se organizar como quiser (Aquela velha historia, na nossa bagunça a gente se acha, mas se não buscar profissionalismo e dedicação, ninguém vai te achar)

- Não esperar até o fim do més para pagar as contas ou poder sair fds. (pois normalmente ou é no inicio do més que recebemos ou final)

Por enquanto vou ficar aqui, se não minha resposta vai ficar maior que o posto do rodrigostoledo HAHAHA :D
Abraço a todos, e viva a nossa profissão! 

bacana por demais o post e ele retrata fielmente a vida de um frella ou pelomenos muitos de nos

parabens pelo post

Vantagens:

  • O conforto da casa

  • Facilidade para legalizar o negócio (é mais fácil pegar um alvará de autônomo sem sala estabelecida do que com sala para atendimento ao público)

  • Evitar o stress do trânsito e da cidade em geral

  • Redução de custos, já que a casa já está paga mesmo

  • Possibilidade de resolver problemas de casa, como recebimento de encomendas

 

Desvantagens:

  • O conforto da casa: requer disciplina para que ele não tire o “espírito de trabalho”.

  • Falta de separação da hora de lazer da hora de trabalho

  • Falta de suporte de outros profissionais

  • Falta de contato humano, incluindo a diminuição do reconhecimento social do profissional

  • Ainda uma falta de valorização do mercado, pois te vêm como um “gurizão que tá começando”. E com isso, dificilmente dá pra cobrar um preço legal pelo trabalho.

  • Dependendo da casa, torna-se impossível receber clientes.

  • O profissional freelancer precisa dar conta de vários processos além da própria alçada, assim como um empreendedor iniciando seu negócio. Ou isso, ou terceirizar.

  • A comodidade de conversar com colegas de trabalho pela internet fazia com que eu só quisesse falar pela internet, não tinha disposição para telefonar. E nisso, geralmente ocorriam muitos mal entendidos e brigas.

 

Eu trabalhei por quatro anos na minha própria residência, e achei uma maravilha por um bom tempo, pois sempre fui disciplinado, conseguindo trabalhar tranquilamente mesmo com a cama ao meu lado me olhando.

Porém, à medida em que fui conhecendo o funcionamento da minha própria cabeça e outras questões de posicionamento profissional, vi que trabalhar em casa ia me levar para uma vida de mediocridade e stress exagerado. Hoje tenho um escritório (e sempre que marco reunião com clientes pergunto: “prefere que eu faça o atendimento no seu escritório? Se preferir, posso recebê-lo aqui no meu escritório”) e estou extremamente feliz com a separação trabalho/casa.

As vantagens são otimas, Eu tambem no momento estou trabalhando em casa, so que o meu contra nesse caso e porque eu ainda moro com meus pais e de vez enquando eles me pedem para fazer alguma outra coisa em beneficio deles dai eu tenho que parar o meu trabalho para ajudar e outrto contra e que eu estou querendo casar mas nem todo mes tem dinheiro suficiente para pagar as contas.

Mesmo assim continua sendo uma perspectiva de vida para mim trabalhar em casa mesmo por um tempo ate poder abrir o meu escritorio.

RSS

-----------------------

O banner de sua empresa também pode estar aqui.
Entre em contato conosco para saber mais detalhes.
portaldesignbr@icloud.com

Membros

Design: Ações e Críticas

N_Goiânia 2014 – confirmado!

Pois é pessoal, mais um NDesign pela frente. Apesar deste ser a VIGÉSIMA QUARTA edição do evento, é apenas a TERCEIRA onde Design de Interiores/Ambientes tem seu merecido espaço na grade. Já podemos dizer que conseguimos ser reconhecido, pelos acadêmicos, como uma área do DESIGN! E eu mais uma vez estarei por lá defendendo a nossa área. … Continuar lendo

O que vai mudar para quem não tem formação em Design após a regulamentação?

Praticamente nada. Todos poderão continuar realizando seu trabalho tranquilamente. A questão é: o uso do título “designer (+ área)” ficará restrito aos profissionais legalmente habilitados de acordo com as diretrizes do MEC. Por exemplo: O decorador vai continuar fazendo seus projetos tranquilamente. Mas deverá utilizar o título pertinente à sua atuação/formação: Decoração. Logo, Decorador de Interiores. O … Continuar lendo

É puro blablablá… CHEGA!

Bom pessoal, lamento informar mas realmente não dá mais para continuar nisso. Já escrevi recentemente sobre isso aqui no blog mas atendendo aos pedidos me mantive na luta pela regulamentação. Agora realmente não dá mais. O desgaste emocional/pessoal está muito grande e está atrapalhando o meu lado profissional. E tenho outras prioridades em minha vida … Continuar lendo

#VemPraRuaDesigner – Expolux

  Amigos Designers (de todas as áreas), especialmente os de São Paulo (capital), ATENÇÃO!!! Temos de começar a fazer barulho senão a regulamentação não vai sair. Vamos aproveitar a abertura da feira Expolux e fazer um barulhão pacífico lá na frente. O Brasil, os empresários, a mídia e a sociedade precisam saber do que algumas … Continuar lendo

N_Goiânia 2014, mude seu estado_

E aí pessoas estudantes, já estão preparando as malas, mochilas, barracas, fantasias para as festas, dando uma turbinada na inspiração e reforçando a resistência para encarar as atividades do N2014?? Este será o 24º Encontro Nacional de Estudantes de Design (NDesign) Desta vez será realizado em GO GO GO GO GOIÂNIA!!! E a data já … Continuar lendo

© 2014   Criado por Portal DesignBR.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço


Corpo do texto